sexta-feira, 31 de julho de 2015

Treinei o que pude em julho, agora é a Romaria...




Diário - 310715

Hoje termina o mês de julho de 2015. O mês de agosto que chega exigirá sabedoria, resistência e capacidade de superação. É o que eu acho.

Procurei neste mês, conciliar alguns treinamentos físicos com longas jornadas de trabalho. Busquei não comer os excessos de gordura, açúcar e sal que destrói a saúde das populações do mundo. Fiz o mesmo com bebidas: quase zero de álcool. Quero e devo me cuidar pra resistir aos desafios que tenho e cuidar dos meus entes queridos.

Agosto é o mês que pego a estrada para fazer minha caminhada anual lá em Minas Gerais. São cerca de 75 km andando, refletindo e testando meus limites. Vai dar tudo certo, acredito.


CORRIDAS POSSÍVEIS EM JULHO

1. Quarta 1º (DF)..............5k 30' 15 graus, noturna

2. Domingo 5 (DF)...........5,5k 35' calor, muito seco

3. Terça 7 (DF)..................7k 42' 15 graus, ritmo intenso

4. Quinta 9 (DF).................4k 25' 15 graus, trote

5. Domingo 12 (DF)............4k 25' 24 graus

6. Quinta 16 (DF).............7,5k 47' 18 graus, boa corrida

7. Domingo 19 (DF).........5k 32' 22 graus, trote preguiça

8. Domingo 26 (DF)..........5,2k 34' 28 graus, calor

9. Segunda 27 (DF).............4k 26' alguns exercícios

10. Sexta 31.......................8k caminhada fecha o mês


Corri no mês 47,2 km em 9 saídas e fechei hoje com uma caminhada de 8 km. Julho foi difícil como têm sido todos os meses anteriores. É o que virou minha vida de longas jornadas de trabalho como diretor de saúde da Cassi. 

Ter feito esse percurso de corridas no mês foi por ser obstinado e para cuidar do nível de meu colesterol ruim (LDL) que aumentou um pouco depois de um ano de estresse no trabalho atual.

Em compensação, passei a escolher melhor, pela primeira vez na vida, as coisas que como: evito algumas e pego outras, para cumprir as sugestões do programa de Estratégia Saúde da Família, que participo pela nossa Caixa de Assistência. O resultado foi diminuir meu peso, depois de muitos anos tentando em vão.

É cuidar de mim mesmo o mínimo possível porque os tempos já estão sendo e serão duros para todos nós num mundo em crise de valores e movido a ódios.

William

Nenhum comentário: